EEUM   UMinho    eLearningContactos
 Mestrado Integrado em Engenharia Biomédica
 
Universidade do Minho · Escola de Engenharia
» Ramo - Electrónica Médica

Enquadramento

  Hoje, muitos dos problemas confrontados pelos profissionais de saúde e pacientes são de extremo interesse para os engenheiros, porque envolvem o projeto e a aplicação de dispositivos e sistemas médicos – processos que são fundamentais à prática da engenharia. Estes problemas variam desde sistemas complexos, tais como o projeto e a implementação de laboratórios clínicos automatizados, unidades de rastreio multifásico (dispositivos que permitem a realização de vários testes clínicos) e sistemas de apoio ao diagnóstico (p. ex., CADs para TAC), até à criação de dispositivos relativamente pequenos e “simples”, tais como, biossensores e elétrodos que armazenam os seus sinais, que podem que podem ser usados para monitorar a atividade de processos fisiológicos específicos num contexto clínico ou mesmo de investigação. Estas aplicações envolvem aspetos complexos de monitoração remota e telemetria, que podem incluir requisitos específicos de veículos de emergência médica, blocos operatórios ou unidades de tratamento intensivo. Os engenheiros em biomédica estão na vanguarda do esforço na solução desses sistemas de elevada complexidade, visto os seus investigadores serem capazes de integrar as ferramentas de engenharia necessárias na solução dos problemas tecnológicos. O objectivos do grupo de electrónica médica da Universidade do Minho não é apenas educacional, mas também da investigação e desenvolvimento de aplicações médicas, nas vertentes de nano/microelectrónica, instrumentação, imagem médica e robótica.

 

Plano de Estudos

4º ano

5º ano

 

Responsável Ramo

Responsável: Cristina P. Santos
Departamento: Departamento de Engenharia de Polímeros (DEP)
Contacto: